Praias de Bombinhas –SC

8870



Você gosta, mas gosta mesmo de natureza? É daqueles que não vivem sem uma trilha, sem sentir o cheiro de terra molhada e precisam do barulho do mar praias de Bombinhas, porque, além de ser um dos destinos mais procurados de Santa Catarina, o lugar é simplesmente incrível. Para você ter apenas uma ideia, são simplesmente 39 praias dispostas ao longo da península, das mais calminhas às próprias para o surfe, das urbanizadas às tão selvagens que até chegar lá já é uma aventura. Veja por quê a cidade é conhecida como a “Capital do Turismo Ecológico”.

Praias de Bombinhas a Reserva Biológica do Arvoredo

Não é à toa as praias de Bombinhas são ponto de encontro nacional e internacional de quem ama esportes radicais ligados à natureza. A única reserva marinha do Sul do Brasil fica aqui, a Reserva Biológica do Arvoredo, um daqueles lugares onde você pensa que Deus realmente é brasileiro. Formada pela Ilha da Galés, Calhau de São Pedro, Ilha do Arvoredo e Ilha Deserta, a reserva inclui ainda os ilhotes da Galés e do Arvoredo, a Pedra do Boi, a Lage da Deserta e a Pedra Nocceti.



Só que a reserva, não bastasse toda a sua riqueza marinha e o visual deslumbrante, é ainda mais rica do que se imagina: é nela também que fica um grande sítio arqueológico formado por sepultamentos característicos de ocupações humanas de 4 mil anos atrás, e ainda traz o charme, para deleite dos mergulhadores, do naufrágio do cargueiro Lili em 1958. Ao todo são 270 hectares cobertos por Mata Atlântica praticamente intocada, onde um farol construído no século XIX toma conta da ilha 24 horas por dia: lá é preciso da autorização do Ibama para desembarcar.

As águas translúcidas escondem outras belezas raras, como a fauna privilegiada repleta de lobos-marinhos, baleias-franca e pinguins que habitam o local trazidos pelo encontro das correntes subtropical e tropical, fazendo essa mistura inusitada de animais tanto de águas frias quanto de águas quentes. A caça é proibida, mas se você ama o mundo submerso pode contar com várias operadoras de mergulho para ver e fotografar espécies como as garoupas, xaréus, meros, olhos-de-boi, peixes-morcego, crustáceos e invertebrados exóticos. Simplesmente fantástico.

Pequeno e charmoso, município vive do turismo

As praias de Bombinhas ficam em um município de apenas 36 Km² que se debruça sobre o Oceano Atlântico em uma península entrecortada de praias e costões. Pontuada por cachoeiras de tirar o fôlego, a cidade soube muito bem tirar proveito da sua vocação turística, montando uma excelente infraestrutura capaz de abraçar todos os tipos de turistas.

A ocupação da área é uma das mais antigas, com grande quantidade de sítios arqueológicos nas praias, os chamados sambaquis, que demonstram a preferência das comunidades indígenas originais pela sobrevivência através da pesca e do cultivo da mandioca. No entanto, foi apenas a partir da década de 50 que as praias de Bombinhas começaram a ganhar notoriedade, começando a atrair turistas de todas as partes do país. Depois da década de 70, no entanto, a vida do balneário nunca mais seria a mesma, tamanha a procura como destino turístico – entre dezembro e março a população flutuante chega a cerca de 200 mil pessoas.

 

Festas e folclores nas praias de Bombinhas

As tradições são outro ponto forte das praias de Bombinhas, como a canoa de um pau só, feita de um único tronco de árvore, geralmente guarapuvú. As festas religiosas, com procissões por terra ou por mar, arrebanham pessoas de todas as idades. As mais famosas são as de Nossa Senhora dos Navegantes e do Sagrado Coração de Jesus, mas há ainda as célebres brincadeiras do folcore local, como a do Boi-de-Mamão, Pau de Fitas, Terno-de-Reis, Boi-de-Campo, Pão-por-Deus, as festas juninas e o famoso carnaval na praia.

Infraestrutura à altura da grande procura

Como o turismo é a principal atividade econômica da área, a infraestrutura teve que acompanhar a procura. A grande rede hoteleira compreende hotéis de todos os níveis, pousadas, hostels e aluguel de casas para temporada, mas, apesar da fartura, a dica é fazer sua reserva com antecedência.

Ir em um lugar desses e não conhecer seus restaurantes e sua comida típica é um pecado, por isso faça o regime que quiser em casa mas prepare-se para comer – e comer muito bem. O ponto forte da gastronomia são os frutos do mar, mas há opções para todos os gostos e bolsos. Além disso, prepare-se para a night, porque o que não faltam são casas noturnas, danceterias e bares com música ao vivo, sempre pertinho dos melhores hotéis e pousadas.

Nem só de praias vive Bombinhas

Apesar de as praias serem um apelo e tanto, não é só delas que Bombinhas vive, não. Quem chega na cidade e quer dar um tempinho para se recuperar antes de recomeçar a maratona de água salgada pode se programar para fazer outros passeios bem legais também.

Um deles é o Parque Municipal do Morro do Macaco, no bairro Canto Grande. A 153 metros de altitude, você chega ao local através de uma trilha com uma vista fantástica. Bem conservada, dá para ir mesmo quem não está muito habituado a trekking, porque ela não é muito íngreme.

A vista panorâmica compensa o esforço: de lá é possível as belíssimas enseadas de Zimbros e Mariscal e o arquipélago do Arvoredo. Além disso, o lugar também é conhecido por abrigar algumas das mais belas orquídeas brasileiras e ainda tem correntes térmicas que favorecem os voos de paraglider e voo livre. Fique para ver o por do sol, é simplesmente imperdível.

Outro lugar que merece ser visitado é o Mirante Eco 360º, no acesso à Praia da Tainha. É possível ir de carro pelas praias do Canto Grande e Conceição, mas como a propriedade é particular há cobrança de entrada. A vista é deslumbrante e atrai também quem gosta de escalada e rapel, inclusive com vários ganchos já fixados no local.

Já o Parque Municipal da Galheta é uma área remanescente da Mata Atlântica com uma biodiversidade encantadora. É lá que fica outra trilha famosa da região, a Trilha da Galeta, que leva da praia de mesmo nome à Praia de Bombas. Não dá para reclamar de não ter o que fazer.


Gostou da praia Praias de Bombinhas –SC?

Então compartilhe com seus amigos e conheça outras praias lindas abaixo.

 

Veja também: